Marketing Digital

3 Coisas que vão Turbinar seu Marketing Digital

Você pode estar perdendo dezenas (ou até centenas) de oportunidades de vendas por negligenciar sua presença digital. Aprenda a implementar três estratégias relativamente simples que vão turbinar seu marketing digital.

Por Lucas Vogelmann, Co-Fundador do Multiverso.


Você gostaria de dobrar o seu número de clientes? Quem não gostaria, certo?

Muitas empresas começam o ano com esse objetivo, mas sem pensar em como o marketing (especialmente o marketing digital) pode atuar nesse processo. Então, elas mantêm o foco em esforços de vendas tradicionais, com grandes equipes comerciais. No começo, o crescimento é palpável e todos ficam empolgados. O problema é que não demora até que o processo torne-se mais lento, pois as equipes de vendas já não conseguem mais prospectar tão efetivamente, ou mesmo não conseguem mais ter um aproveitamento tão bom em seus contatos de vendas.

Aí a empresa se vira em direção à internet. O site existe, mas mal gera vendas. E isso é comum.

Na verdade, quando ser trata de marketing digital, é normal que empresas e empreendedores não saibam por onde começar. Afinal, são muitas áreas: marketing de conteúdo, marketing para SEO, inbound marketing, mídias sociais… A lista vai longe.

Se você está nesse estado, não desanime! Existem algumas coisas simples que você pode fazer para turbinar seu marketing digital e é isso que vamos cobrir neste artigo.

Vamos lá?

Converta seus Visitantes em Leads

De maneira resumida, um lead é o contato de alguém que demonstrou interesse na sua marca, um produto ou um serviço seu. Leads existem tanto no meio offline quanto no digital. O problema é que a maioria das empresas não mantém um cadastro dos leads obtidos na internet.

Pense: se você é uma imobiliária (por exemplo) e alguém entra pela porta, dizendo que procura um apartamento de dois quartos, próximo ao centro da cidade, para comprar. O que você faz?

É óbvio, certo?

Você recebe ela e, no mínimo, anota dados de contato (nome, telefone, email), para depois enviar algumas opções de apartamento que preencham esses requisitos e você tenha em seu portfólio. Assim, você começa a construir um relacionamento com seu potencial cliente e guia ele pelo processo de compra.

Por outro lado, no meio digital, muitas empresas não se preocupam em fazer isso. Elas atraem pessoas ao site. Em seguida, essas pessoas vêem o conteúdo do site e, normalmente, saem.

Por isso, um ponto essencial do seu marketing digital é coletar essas informações de contato, convertendo visitantes em leads. Normalmente, você terá uma oferta em seu site (aqui no Multiverso, temos uma sessão de consultoria gratuita, por exemplo), que seus visitantes conseguem acessar ao deixarem algumas informações a respeito deles. Tipicamente, se coleta, no mínimo, nome e e-mail de um visitante.

É importante, também, que você salve os dados de seus leads em alguma plataforma. Existem diversos softwares que servem para isso mas, caso você tenha um orçamento apertado, o mínimo a fazer é mantê-los em uma planilha.

Publique Conteúdo

inbound marketing

Uma dura verdade é que apenas 3% de seu público está pronto para comprar.

Todo o resto precisa ser convencido. Mas como fazer isso?

Um dos principais meios é publicando conteúdo. É possível que você já tenha alguma presença em mídias sociais (se você não tem, aqui há um ebook que ajuda com o básico que você precisa saber para fazer marketing no Facebook). É fato que milhões de empresas ao redor do mundo têm. A maioria delas, porém, não utiliza essa presença para conseguir clientes. Elas publicam conteúdo que pouco interessa a seus potenciais clientes.

A receita, então, é simples: publique conteúdo.

O conteúdo que você produzir pode ser em texto, imagens estáticas ou vídeo (vídeo funciona muito bem, aliás). O importante que você não foque demais em vender seus produtos, nesse conteúdo.

Pense sempre em como você pode ajudar seus potenciais clientes e aborde essas questões em seu conteúdo (percebe o que estou fazendo com este artigo?).

Produzir conteúdo vai servir para, basicamente, três coisas:

Vai ajudar a construir uma sensação de autoridade em relação à sua marca. Quando você ajuda seu público a resolver problemas específicos (através de seu conteúdo), eles te vêem como uma referência, uma autoridade.

Vai desenvolver um relacionamento com seu público. Pense bem: você está ajudando seu público sem pedir nada em troca. Assim, aumenta seu reconhecimento de marca e aumenta a confiança que as pessoas têm em você.

Vai “aquecer” seu público. Quando o conteúdo é produzido a partir da jornada de compra, ele responde a questões que seus potenciais clientes têm, uma de cada vez. Assim, eles vão, gradualmente, ficando mais prontos para comprarem. Ainda por cima, se você usar seu conteúdo para levá-los a seu site ou página e convertê-los em leads… Já percebeu o que acontece, certo?

Nós produzimos uma matriz que ajuda você a planejar seu conteúdo: o Canvas de Conteúdo. Para acessar ele, clique aqui.

Faça Anúncios

Marketing Digital: Anuncie no Facebook e no Google

Não necessariamente em um outdoor, mas na internet.

Um problema comum para empresas que possuem páginas em redes sociais, perfis ou sites e ganhar alcance, ou seja, atingir cada vez mais pessoas.

Por mais que seja possível conseguir bastante alcance orgânico (sem anunciar), a verdade é que, se você quiser mesmo atrair muitas pessoas, terá que anunciar.

Existem várias plataformas de anúncios, porém, vamos falar das duas principais: Google Adwords e Facebook Ads.

O Google Adwords permite que você compre determinados termos de busca. A plataforma opera em um sistema de lances. Quanto maior a demanda de pesquisa de um termo e mais pessoas comprando ele, maior deve ser o lance necessário. Você pode usar uma ferramenta como o Keyword Planner para planejar quais termos de busca comprar. Lá, você tem informações como o volume de pesquisas mensais para cada termo e o lance recomendado para cada termo que você pretende comprar.

Uma das vantagens em utilizar Google Adwords é que, provavelmente, você estará lidando com uma demanda já existente, ou seja, com pessoas que buscam algo específico.

Outra plataforma de anúncios muito popular é o Facebook. Nele, você pode fazer anúncios que promovam algum conteúdo seu, seja dentro do Facebok (como um post) ou externo a ele (como o link para seu site). É possível até fazer anúncios para gerar leads.

Os anúncios no Facebook também funcionam em um sistema de lances, mas há uma opção para que eles sejam automáticos, de modo que o próprio Facebook gerencie seus lances.

No Facebook, você leva sua mensagem a um público que, não necessariamente, está buscando por você. Você faz isso ao delimitar o público que deseja atingir. Essa delimitação acontece através de vários dados, como gênero, localização, idade e interesses diversos. Técnicas mais avançadas permitem, inclusive, que você direcione determinados conteúdos a pessoas que visitaram páginas específicas de seu site, ou que interagiram com determinados conteúdos seus.

Os anúncios no Facebook podem ser feitos a partir do Gerenciador de Negócios.

Conclusão

Por mais que marketing digital possa ser bastante complexo, os três pontos que abordamos neste artigo são relativamente simples para se implementar em suas estratégias de marketing digital. Eles funcionam muito bem em qualquer meio que você tiver a seu dispor com ou sem site ou fanpage, por exemplo.

Porém, não existe mágica: para implementar isso tudo com eficácia e obter resultados positivos, você precisa fazê-lo de um modo estruturado, com um bom planejamento. Por isso é importante que você crie rotinas de marketing em sua empresa. Separe um horário de seus dias para pensar no marketing de sua empresa.

É importante também que você revise suas estratégias periodicamente, para avaliar a eficácia delas e decidir por continuar no mesmo caminho ou fazer ajustes de rota.

O fato é que, com a implementação destes três pontos, você deve começar a gerar oportunidades de vendas pela internet em pouco tempo!

 

Pin It on Pinterest

Open chat
1
Olá,
Vamos conversar?